• {{currentSearchSuggestions.title}}
  • {{currentSearchSuggestions.title}}

Energia limpa: EGP conquista a liderança mundial

8 min.

Energia limpa: EGP conquista a liderança mundial

As fontes renováveis são de natureza sustentável, elas se regeneram e continuam a fluir, soprar e brilhar.

{{ item.title }}
{{ item.content }}

É justamente por isso que o termo "sustentabilidade" assume especial relevância para a Enel Green Power, diariamente engajada na difusão de energia verde e na transformação energética do mundo.

A busca pela sustentabilidade também se tornou prioridade para a Assembléia das Nações Unidas, que em 2016 lançou os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Sustainable Development Goals, SDGs), cuja estimativa é de que a meta seja alcançada até o ano de 2030.

Trata-se de um conjunto de ações concretas destinadas à pobreza, fome, saúde, educação, mudanças climáticas, igualdade de gênero, água, energia, urbanização e justiça social.

A Enel Green Power, que nos anos de 2016 a 2018 assumiu a liderança mundial no setor de energias renováveis, atendeu ao convite da ONU e passou a integrar os objetivos dos ODS em sua estratégia industrial, comprometendo-se a alcançar os objetivos relacionados à qualidade da educação (ODS 4), energia limpa e economicamente acessível (ODS 7), dignidade do trabalho e crescimento econômico (ODS 8) e, por fim, a luta contra as mudanças climáticas (ODS 13).

As fontes de energias renováveis, adaptadas às diferentes exigências elétricas tanto dos mercados emergentes e quanto daqueles já consolidados, representam a melhor resposta para a mudança.

 

Contamos sobre o nosso compromisso para o desenvolvimento sustentável

Após um grande crescimento no biênio anterior, os anos de 2016 a 2018 não se restringem a números e à potência instalada, eles contam uma história repleta de ideias e de inovação que invariavelmente passa pelo desenvolvimento sustentável dos territórios em que a Enel Green Power constrói suas usinas.

Na África do Sul, por exemplo, graças à colaboração entre a EGP e a ONG local Mothers2Mothers, as mães da província de Limpopo infectadas pelo HIV podem obter tratamento médico e dar à luz a crianças livres do vírus. 

Na Austrália, mais especificamente no entorno da planta fotovoltaica de Bungala Solar, lançamos um projeto de capacitação profissional para a comunidade aborígine.

 

Alinhada à filosofia Open Power, a EGP também está na vanguarda do estímulo ao desenvolvimento sustentável da África.

 

"O desafio mais importante é continuar dando sequência aos negócios, mas com um olhar cada vez mais voltado à sustentabilidade. Optamos por trabalhar na África, e isso envolve um grande compromisso, a atribuição de uma responsabilidade, uma escolha ética. Se seguíssemos apenas construindo usinas no deserto dos EUA, trairíamos o nosso espírito e os nossos valores."

- Luigi La Pegna, Responsável de O&M da EGP

 

Um testemunho tangível de nosso compromisso no continente africano vem do trigésimo país da constelação Enel Green Power, aEtiópia, cuja usina fotovoltaica de 100 MW de Metehara já está em operação.

O país, rico em fontes renováveis, tem o potencial de desempenhar um papel fundamental na estratégia africana da EGP, com um crescimento constante na demanda energética e ostentando uma estrutura normativa cada vez mais estável que, recentemente, introduziu mecanismos competitivos, tais como os leilões e os contratos de longo prazo para os Power Purchase Agreement (PPA)

 

"Estamos muito satisfeitos em investir na Etiópia, de modo a atender à sua demanda energética através de nossas habilidades no setor de energias renováveis e contribuir para promover o desenvolvimento do país, além de apoiar as comunidades locais com nossas iniciativas de sustentabilidade".

– Antonio Cammisecra, CEO da Enel Green Power

 

Ainda em território etíope, através de uma parceria com a ONG "Medeci con l'Africa CUAMM", criamos um projeto sustentável e inovador que prevê a doação, construção e operação de uma planta solar à bateria no Hospital St. Luke de Wolisso, a fim de garantir o fornecimento de eletricidade à unidade hospitalar.

{{ item.title }}
{{ item.content }}

Luz verde para as energias renováveis rumo à expansão americana

Muitas de nossas ações bem-sucedidas dos últimos anos vêm do continente americano.

No Peru, com o início das operações em Wayra I, bem como da construção da planta solar Rubí, A Enel Green Power se tornou a a operadora líder em energias renováveis no país.

Na Guatemala, onde desponta a usina hidrelétrica de El Canadà, a EGP promove o empreendedorismo graças aos centros de desenvolvimento empresarial (CEDES), que oferecem a formação necessária para a criação de microempresas artesanais.

No México, o "cielito lindo" permite a EGP se conectar à rede de mais de 1 GW de nova potência fotovoltaica, confirmando-se como a principal operadora de energia renovável do país.

No entorno de nossas plantas mexicanas em Villanueva, de 828 MW, e de Don José,com cerca de 260 MW, construídas a partir do modelo de Canteiro de Obras Sustentável, contribuímos para o estabelecimento de microempresas de carpintaria para que elas reutilizem os resíduos de madeira gerados na construção, dando vida a diversos projetos de proteção da biodiversidade.

Ainda no México, nosso vento tem soprado com força graças à construção dos parques eólicos de Amistad (220 MW), Amistad II (100 MW) e Salitrillos (103 MW).

O país da América Central também é um exemplo da aplicação do modelo "Build, Sell, Operate", que permite à Enel reduzir o endividamento e gerar valor simultaneamente, conservando a gestão operacional das usinas.

Alguns quilômetros mais ao norte, em Oklahoma (EUA), financiamos 8 bolsas de estudo de modo a permitir que os alunos se especializem no setor de energia eólica ou de educação, fomentando as necessidades imediatas e as aspirações futuras da comunidade local.

 

Apoiamos as empresas que optam pela sustentabilidade

O mundo está mudando e, nesses anos, vemos nascer um círculo virtuoso de sustentabilidade: os consumidores direcionam suas escolhas de compra a empresas verdes, conscientes de que a sustentabilidade é um componente fundamental do negócio.

Esta verdadeira mudança de paradigma se traduz em iniciativas como a RE100, um grupo que reúne as 155 empresas mais influentes do mundo com um consumo acumulado de 188TWh de energia elétrica, comprometido em satisfazer 100% de suas necessidades energéticas a partir de energias renováveis – algumas delas a partir de 2020.

Nesse contexto, a Enel Green Power é parceira de grandes empresas do setor industrial, tais como a Anheuser-Busch, Bloomberg, Facebook e General Motors, oferecendo o instrumento financeiro do Contrato de Compra de Energia (Power Purchase Agreement), descrito por Javier Vaquerizo, Chefe do Escritório Comercial Global da EGP, como um verdadeiro "parceiro a longo prazo, de dez a trinta anos, durante os quais duas empresas trabalham juntas em projetos de criação de valor compartilhado e colaboram para difundir o componente sustentável nelas."

 

 "Nosso presente é vender energia para grandes clientes comerciais e industriais, mas também, gradualmente, aumentar cada vez mais o mercado de varejo e, por que não, também o residencial, oferecendo uma escolha consciente ao cliente."

– Antonio Cammisecra, CEO da Enel Green Power

 

Prontos para explorar novos territórios

Graças aos recentes ingressos na Etiópia, Rússia e Austrália, no dia 31 de dezembro de 2018 a capacidade instalada da EGP irá superar os 43,5 GW.

A palavra-chave destes anos é a inovação. A EGP revoluciona o setor de energias renováveis e, através do uso de drones em grande escala e da implementação de big data em sua frota eólica, otimiza o gerenciamento e a manutenção de suas plantas.

Estas são as cifras e as palavras de nosso sucesso e, ante o exercício de imaginar uma palavra que acompanhará a EGP no futuro, confiamos também na esperança de Antonio Cammisecra, nosso CEO: "precisamos manter o espírito pioneiro que sempre tivemos. Se fizermos isso, manteremos o frescor de espírito que caracterizou a Enel Green Power desde seu nascimento."

 

Boa viagem, pioneiros!

Conteúdo relacionado

Este site usa cookies analytics e de perfilamento, próprios e de terceiros, para enviar-lhe publicidade de acordo com as suas preferências. Se quiser saber mais ou optar por excluir todos ou alguns cookies, consulte a política de cookies. Aceite e feche