• {{currentSearchSuggestions.title}}
  • {{currentSearchSuggestions.title}}

Usina Solar de Aurora: nosso primeiro projeto solar sustentável e de uso duplo

Usina Solar de Aurora: nosso primeiro projeto solar sustentável e de uso duplo

Continuamos a nossa série de artigos sobre as Usinas Sustentáveis da Enel Green Power indo para a América do Norte, onde as nossas usinas empregam um modelo inovador que combina a produção de energia e a proteção do meio ambiente, fornecendo simultaneamente serviços ambientais vitais.

{{ item.title }}
{{ item.content }}

Para explicar de maneira simples, o uso duplo de energia solar significa usar a terra para a produção de energia solar e adotar, ao mesmo tempo, medidas para preservar o capital natural e fornecer serviços ambientais. É exatamente o que acontece na Usina Solar de Aurora. Além de produzir energia limpa, a usina é importante para os polinizadores, a vida selvagem e a melhoria da qualidade da água.

 

A abordagem natural

A instalação solar de Albany, em Minnesota, parte do projeto Aurora, é um bom exemplo. Foram adotadas práticas de pastagem com o apoio da Minnesota Native Landscapes (MNL) Inc.[1] Para a MNL, cada usina solar possui suas próprias condições paisagísticas e seus objetivos ecológicos em termos de gestão regenerativa da terra. O Plano de Conservação de Pastos oferece uma abordagem integrada e holística alinhada a esses objetivos. Para que o plano possa ser executado, são utilizadas espécies e classes de gado específicas. As ovelhas transportam e espalham sementes de plantas pela área e pisam nelas com seus cascos, melhorando o manejo da vegetação em mais de 40%.

 

“Projetos como este mostram que podemos fornecer energia renovável de forma ainda mais acessível e com maiores benefícios, para que os consumidores – os compradores – fiquem satisfeitos em ver, em um único lugar, produção de energia limpa, conservação e agricultura. Podemos ter energia limpa e podemos ter essas belas paisagens floridas. Esse tipo de inovação, que está ligada à natureza, assim como à agricultura e à comunidade, é muito emocionante.”
Rob Davis, Diretor do Centro de Polinizadores e Energia

 

Este plano é diferente das práticas de ceifa porque apresenta numerosos benefícios, que não estão relacionados apenas aos custos. Também é levado em conta o dano potencial evitado pelas máquinas que podem atingir os equipamentos, assim como a redução ou eliminação completa do uso de pesticidas e combustíveis inflamáveis. Os criadores de ovinos também se beneficiam do acesso a uma área de pastagem segura e contínua para seus animais. O plano oferece uma solução para o problema da escassez de pastagens adequadas.

 

Um gosto de mel

As pesquisas indicam que as mudanças climáticas contribuíram para o declínio da população de abelhas[1] – polinizadores cruciais que sustentam nosso ecossistema. Na Aurora, nossa abordagem de uso duplo favorável aos polinizadores está ajudando a resolver ambos os problemas: geração de energia com zero emissões prejudiciais ao clima em um habitat ideal para as abelhas. Cooperativas de apicultores nas áreas externas ao redor das instalações da Enel estão aproveitando a vegetação nativa e o ecossistema da Aurora para beneficiar a população de abelhas, com o objetivo de aumentar a produtividade das fazendas locais. Além disso, as abelhas criam um produto doce que o consumidor pode desfrutar: o mel da Aurora é vendido para o setor de alimentos e bebidas e utilizado em produtos como lanches e até mesmo cerveja.

 

“Precisamos de nossas abelhas e, portanto, se pudermos criar oásis polinizadores que durarão mais de 30 anos, poderemos criar então zonas ao seu redor para agrovoltaicos em plantações dependentes de polinizadores.”
Dustin Vanasse, proprietário da Bare Honey
{{ item.title }}
{{ item.content }}

O céu à noite

Para que as instalações da Aurora se desenvolvam tendo em mente uso duplo e serviços ambientais, é necessário o envolvimento ativo das comunidades locais. Neste sentido, um elemento inovador da usina foi estudado após o pedido de um agricultor orgânico das vizinhanças, preocupado com a poluição luminosa. Em colaboração com a associação International Dark-Sky[3], a usina solar de Aurora pretende diminuir a poluição luminosa adotando uma iluminação LED requalificada, ecologicamente amigável, que minimiza o brilho e reduz a passagem de luz e o brilho no céu.

 

“Era uma questão simples: eu perguntei para a Enel se era possível colocar uma iluminação compatível com o céu escuro, com as luzes voltadas para o chão, e não aleatoriamente para o ar. Pouco depois de ter escrito a carta para o escritório local da Enel, eles me contataram. Não me deixaram esperando. Eles nos ouviram e trabalharam conosco.”
Dan Shields, agricultor orgânico local na usina solar de Aurora

 

Esta escolha foi feita não apenas para atender ao pedido do nosso vizinho, que agora pode observar um céu noturno cheio de estrelas, mas também para responder aos efeitos negativos que a poluição luminosa tem para a flora, a fauna e a saúde humana. As pesquisas sugerem que a luz artificial noturna tem impactos negativos para a saúde humana, aumentando os riscos de distúrbios do sono, diabetes, câncer de mama e outros problemas. Esta escolha também é altamente benéfica para o ecossistema e a vida selvagem, pois a luz artificial é nociva para os animais noturnos e atrai muitos insetos. Para alguns predadores, isso é uma vantagem, mas o declínio resultante das populações de insetos tem efeito negativo para a vegetação que depende deles para alimentação ou polinização. No caso da Usina Solar de Aurora, esse problema, assim como muitos outros, está resolvido.

 

“O sistema Aurora representa perfeitamente o que uma usina sustentável significa: fazer o bem para as pessoas, a empresa e o meio ambiente através da aplicação de ações circulares, participativas, inovadoras e concretas. Além disso, é lindo ver quanta vida pode crescer sob um painel fotovoltaico!
Antonella Santilli, Responsável de projetos CSV e de Sustentabilidade, área de Sustentabilidade, GPG

 

As usinas solares são um componente fundamental do setor elétrico descarbonizado que devemos construir para combater as mudanças climáticas. O setor está vivendo um crescimento extraordinário. Para garantir um futuro energético responsável, devemos não só construir mais usinas solares, mas construí-las de maneira correta. A Enel Green Power está implementando práticas de sustentabilidade industrial de ponta na usina de Aurora e em todo o seu portfólio solar para garantir um futuro brilhante para o setor energético.

 

 

[1];https://mnnativelandscapes.com/conservation-grazing-program/

[2] https://science.sciencemag.org/content/367/6478/685

[3] https://www.darksky.org/

O projeto

Descubra o idenkit de Aurora

Este site usa cookies analytics e de perfilamento, próprios e de terceiros, para enviar-lhe publicidade de acordo com as suas preferências. Se quiser saber mais ou optar por excluir todos ou alguns cookies, consulte a política de cookies. Aceite e feche